“Me desculpe, eu sempre quero falar com você. Sinto muito quando demora muito para responder, eu fico triste. Me desculpe se eu digo coisas que podem te chatear. Me desculpe se eu sair como irritante. Sinto muito se você não quer conversar comigo tanto quanto eu quero falar com você. Me desculpe se eu penso em você muito e muito frequentemente. Me desculpe se eu digo coisas insignificantes. Me desculpe se eu te falar sobre meu drama sem sentido quando você realmente não se importa. Me desculpe se eu sair como sendo pegajosa, mas é porque eu gosto de você.”
Anônimo.    

“Você é a única coisa que eu tenho e que aparentemente me faz bem. E isso me dá um medo danado, porque olha, de todas as coisas que eu já tive, todas elas, juro, todas, não estão mais comigo. Aí eu fico com medo de perder você. E eu não sei se já te disse isso alguma vez, mas eu não quero perder você.”
Cibele Sena   

“Por favor, não me analise. Não fique procurando cada ponto fraco meu. Se ninguém resiste a uma análise profunda, quanto mais eu… Ciumento, exigente, inseguro, carente. Todo cheio de marcas que a vida deixou. Vejo em cada grito de exigência. Um pedido de carência, um pedido de amor. Amor é síntese. É uma integração de dados. Não há que tirar nem pôr. Não me corte em fatias. Ninguém consegue abraçar um pedaço. Me envolva todo em seus braços. E eu serei o perfeito amor.”
Mário Quintana.   

“E a cada pequena escolha, a cada pequena decisão, nós nos definimos. Somos honestos? Somos fiéis? Estamos orgulhosos de nós mesmos, ou estamos desapontados por quem nos tornamos? A vida raramente é como planejamos. O inesperado acontece, e nos surpreende com novas e excitantes possibilidades. Mas, cedo ou tarde, a realidade te bate na cara. Meu pai nunca imaginou ter que começar de novo como um pai solteiro com duas filhas crescidas. Mas quando o inimaginável aconteceu, ele simplesmente se adaptou. Ele encontrou forças. Seguiu em frente. E espero que, quando a minha vida não for como planejei - o que certamente não irá - eu lide com a mesma graça e força que meu pai me ensinou. Ele pode não ser um atleta ou um líder mundial, mas meu pai definitivamente é o meu herói.”

“Mas quando eu estou com você é diferente, não sei explicar, é uma felicidade tamanha que chega a faltar espaço no peito, e um amor que falta transbordar de tão grande. Você me faz bem, e toda vez que te olho sei que estou diante da melhor coisa que aconteceu na minha vida, da razão do meu sorriso e mais belos sonhos.”
Aventurador.  

“Esse negócio de “eu só me arrependo do que eu não fiz” nunca me emocionou. Arrependa-se de algumas coisas que você fez também. É bonito saber que nem todas as suas decisões foram acertadas. É lindo saber que no meio de tudo o que você julgava perfeito ainda cabia uma parcela considerável de erro. O que você não fez, faça e erre. O que você fez errado, refaça e tente acertar dessa vez. Mas não me venha mais com esse heroísmo de só se arrepender do que não fez: isso é covardia velada.”
 Eu me chamo Antônio.  

“Sossega, tudo chega no tempo certo. Não te apressa, a vida se encarrega de trazer tudo que falta. Não desanima, os ventos fortes só surgem para mostrar como nossa base é forte. Não entristece, nem sempre o que você deseja é realmente o melhor para você neste exato momento. Não esquece de sorrir, um sorriso transforma muitas situações.”
Clarissa Corrêa 

ENCHANTH